Quinta-feira, 15 de Outubro de 2009

Intervalo

 

Esta Porta vai ficar encostada por alguns dias,

para obras de restauro.

Voltaremos em breve com novo figurino.

Não fujam...

Etiquetas:
publicado por Ana Vidal às 15:57
link
12 comentários:
De CNS a 15 de Outubro de 2009
Então quando cheirar a tinta fresca regressarei para espreitar...
De Ana Vidal a 16 de Outubro de 2009
Cá a esperamos sempre, Cristina. :-)
De fugidia a 15 de Outubro de 2009
Eu, apensar do nome, não fujo de certeza, podes acreditar! :-D
De fugidia a 15 de Outubro de 2009
a pensar a pensar lapsei-me (risos)
apesar, queria eu dizer :-)))
De Ana Vidal a 16 de Outubro de 2009
Andas a pensar... no nome? Hummm... muito me contas. ;-)
De Raúl Mesquita a 15 de Outubro de 2009
Ana, fico à espera!
De GJ a 15 de Outubro de 2009
Deixei-lhe um Grande Abraço para a ajudar nos restauros :D
De Ana Vidal a 16 de Outubro de 2009
Obrigada, GJ. Abraços - ainda para mais, transatlânticos - são sempre muito bem-vindos!
Aqui vai outro, por mar. :-)
De mike a 16 de Outubro de 2009
Mas ainda há semanas a restauraste, Ana!?!... coisas de mulher, é o que é.
Pronto, vá... mas despacha-te. :)
De Ana Vidal a 16 de Outubro de 2009
Ah, mas isso foram só uns remendos. Agora será raspada, betumada e pintada de novo com uma tinta nova. Azul, claro.
:-)
De João Paulo Cardoso a 16 de Outubro de 2009
Isso da porta continuar a ser, garantidamente, azul, conquistou-me definitivamente e renovou a vontade de continuar a franquear as portas.

Ou será "flanquear"?

Beijos.
De imprevistoseacasos a 16 de Outubro de 2009
Cá estarei para abrir a porta com o mesmo entusiasmo de sempre, Ana...

Beijinhoa
Fernanda

Comentar post

brisas, nortadas e furacões, por


Ana Vidal
Pedro Silveira Botelho
Manuel Fragoso de Almeida
Marie Tourvel
Rita Ferro
João Paulo Cardoso
Luísa
João de Bragança

palavras ao vento


portadovento@sapo.pt

aragens


“Não sabendo que era impossível, foi lá e fez."

(Jean Cocteau)

portas da casa


Violinos no Telhado
Pastéis de Nada
As Letras da Sopa
O Eldorado
Nocturno
Delito de Opinião
Adeus, até ao meu regresso

Ventos recentes

Até sempre

Expresso do Oriente (3)

Expresso do Oriente (2)

Expresso do Oriente (1)

Vou ali...

Adivinhe quem foi jantar?

Intervalo

Semibreves

Pocket Classic (A Educaçã...

Coentros e rabanetes

Adivinhe quem vem jantar?

Moleskine

Lapsus Linguae

Semibreves

Sou sincera

favoritos

Fado literário

O triunfo dos porcos

E tudo o vento levou

Perfil


ver perfil

. 15 seguidores

Subscrever feeds