Segunda-feira, 1 de Setembro de 2008

Porque hoje é... PAZARTESI

 

Os meus actores favoritos: 

Michael Caine

 

publicado por Ana Vidal às 00:56
link do post
17 comentários:
De Cristina Ribeiro a 1 de Setembro de 2008 às 01:36
Dele guardo duas interpretações geniais: «O Despertar de Rita» e «Ana e Suas Irmãs...
De Ana Vidal a 1 de Setembro de 2008 às 01:47
Óptimos filmes, Cristina, além do mais. Vi ultimamente dois filmes com ele, de que gostei muito: "O americano tranquilo" e um remake de "Sleuth - Autópsia de um crime". Neste último ele faz o papel que foi de Laurence Olivier na primeira versão do filme, e Jude Law (lindo e excelente actor...) faz o papel que foi dele.
De Ana Vidal a 1 de Setembro de 2008 às 20:33
Acho que o "Despertar de Rita" se chamava "A educação de Rita"... ;)
De JuliaML a 1 de Setembro de 2008 às 20:41
ah! vi "Ana e suas duas irmãs",
De JuliaML a 1 de Setembro de 2008 às 14:37

é um excelente actor e um homem com muita classe!

já não lembro o nome dos filmes que vi dele..

beijinho

De Ana Vidal a 1 de Setembro de 2008 às 20:33
:)
De espumante a 1 de Setembro de 2008 às 16:48
Tenho dois filmes dele no pódio. O inevitável "Dressed to kill" (com a Angie Dickinson, real. Brian de Palma) e o fabuloso "Educating Rita", com uma actriz cujo nome não me ocorre agora.
Menciono estes dois porque foram, para o meu gosto, dois dos seus melhores e pouca gente parece conhecê-los. Particularmente o "Educating Rita" (que tive a sorte de ver fora do país, em versão sem legendas - acho que a tradução faria embaciar o brilho do diálogo fantástico entre o professor e aluna..) achei um filme fabuloso.

P.S. Estava preocupado! Já tinha passado por aqui e ainda não tinha visto o homem bonito das segundas-feiras. Estive quase para mandar uma foto minha para suprir a falta... mas afinal, lá apareceu o Michael Caine:)))
De Ana Vidal a 1 de Setembro de 2008 às 20:31
"Educating Rita" é um dos melhores papeis dele e um filme magnífico, Nelson. Eu só o vi legendado, mas os diálogos mesmo assim são antológicos.
Por incrível que possa parecer-lhe, nunca vi o Dressed to Kill...

PS: Mande a fotografia, nunca se sabe... :)
De mike a 1 de Setembro de 2008 às 22:44
Vestida para matar é um dos thrillers que o cinema já produziu. Imperdível, Ana... Já as segundas-feiras aqui para estas bandas... (risada)
De Ana Vidal a 1 de Setembro de 2008 às 23:59
Uma falha minha, um dia destes vejo. Não é de terror? É que eu não vejo filmes de terror...
De Ana Vidal a 2 de Setembro de 2008 às 00:00
E que mal têm as minhas segundas-feiras? São excelentes, todos eles, ora essa!
De mike a 2 de Setembro de 2008 às 00:25
Não é de terror, é de suspense (puro e duro)... prepare-se para sofrer... (muitos risos)
De Ana Vidal a 2 de Setembro de 2008 às 00:32
Hummm... enho que estar num mood especial para isso.

E quando é que percebem que as minhas segundas-feiras são de ACTORES (escolhidos pela sua qualidade como tal) e não de homens bonitos??
:)
De mike a 2 de Setembro de 2008 às 10:44
Também há ACTRIZES de qualidade... (risos abafados)
De Ana Vidal a 2 de Setembro de 2008 às 11:18
E muitas, e óptimas! Fica para outra série. Ou então pegue no desafio e ponha-as a desconversar, para ver quantas temos em comum... :)
De Luísa a 2 de Setembro de 2008 às 02:56
As suas escolhas são sempre inesperadas, Ana, mas não surpreendentes. Também gosto muito do Michael Caine, embora não saiba bem explicar porquê: é talvez pela imagem de tolerância, de descomprometimento e de inconformismo que me ficou do último filme em que o vi, cujo nome não recordo, e cuja história se passava algures, na Indochina. Ou talvez seja da cara dele, que é uma boa cara. :-)
De Ana Vidal a 2 de Setembro de 2008 às 03:11
"O americano tranquilo", suponho que seria esse. Um belíssimo filme, acho eu. E também gosto do ar de calma sabedoria que ele transmite, Luísa.

Comentar post

brisas, nortadas e furacões, por


Ana Vidal
Pedro Silveira Botelho
Manuel Fragoso de Almeida
Marie Tourvel
Rita Ferro
João Paulo Cardoso
Luísa
João de Bragança

palavras ao vento


portadovento@sapo.pt

aragens


“Não sabendo que era impossível, foi lá e fez."

(Jean Cocteau)

portas da casa


Violinos no Telhado
Pastéis de Nada
As Letras da Sopa
O Eldorado
Nocturno
Delito de Opinião
Adeus, até ao meu regresso

Ventos recentes

Até sempre

Expresso do Oriente (3)

Expresso do Oriente (2)

Expresso do Oriente (1)

Vou ali...

Adivinhe quem foi jantar?

Intervalo

Semibreves

Pocket Classic (A Educaçã...

Coentros e rabanetes

Adivinhe quem vem jantar?

Moleskine

Lapsus Linguae

Semibreves

Sou sincera

favoritos

O triunfo dos porcos

Livros



Seda e Aço


A Poesia é para comer


Gente do Sul

E tudo o vento levou

Perfil


ver perfil

. 16 seguidores

Technorati Profile

Add to Technorati Favorites

Ventos do mundo

Ventos de Passagem


visitantes online

Subscrever feeds