Quinta-feira, 24 de Julho de 2008

Just the way you are

(Diana Krall)

 

(Barry White)

 

publicado por Ana Vidal às 21:57
link do post
12 comentários:
De fugidia a 24 de Julho de 2008 às 22:28


Que posso dizer?
Adoro esta música... mas cantada pelo Barry White... a voz... a voz dá cá uma... ups... isso... (sorry )

(gargalhada)
Beijios, Ana...
De Ana Vidal a 24 de Julho de 2008 às 22:42
A versão do Barry White é bem mais sexy, também acho... e a voz dá... isso tudo, sim... ups!
;)
(mas gosto sempre de pôr mais do que uma)
De fugidia a 25 de Julho de 2008 às 00:20
Sim, faz bem... para os espíritos mais sensíveis (gargalhada abafada)

Eu vou-me deitar mas oiço só mais uma vez... para dormir melhor

Beijinho, Ana
De Ana Vidal a 25 de Julho de 2008 às 00:28
Bons sonhos, Fugi! (não duvido...)
Beijinho
De mike a 25 de Julho de 2008 às 00:37
Barry White, sem dúvida. A voz é única e não se confunde com nenhuma outra. Já o mesmo não se pode dizer da da Diana Krall. :)
De Ana Vidal a 25 de Julho de 2008 às 01:05
Gosto muito do Barry White e do Isaac Hayes, são duas vozes especialíssimas.

E também gosto da Diana Krall, embora não a ache excepcional. Acho que ela tem muito bom gosto no repertório que escolhe.

Mas, sobretudo, gosto muito desta canção.
De Cristina Ribeiro a 25 de Julho de 2008 às 11:13
É ao som desta música divina que venho dizer que me surgiu uma viagem inesperada, não sei por quanto tempo.
Beijinho, querida Ana
De Ana Vidal a 25 de Julho de 2008 às 11:23
Então uma óptima viagem, com tudo o que há de bom nessas surpresas, querida Cristina! Aproveite cada minuto...

Beijinhos, cá a esperamos na volta!
De Huckleberry Friend a 25 de Julho de 2008 às 14:19
É uma das minhas músicas preferidas. E uma das frases que mais gosto de ouvir ;)
De Ana Vidal a 25 de Julho de 2008 às 15:32
É mesmo, Huck. Muito bom ouvir isso de alguém.
:) Bjs
De sofia k. a 25 de Julho de 2008 às 15:38
Barry White, Barry White e Barry White!

Adoro esta música e é tão bom quando pode ser 'just the way we are'.

beijinhos
De Ana Vidal a 25 de Julho de 2008 às 21:20
É o melhor que há, querida, tens razão. Just the way we are, no mistakes at all.

Beijinhos

Comentar post

brisas, nortadas e furacões, por


Ana Vidal
Pedro Silveira Botelho
Manuel Fragoso de Almeida
Marie Tourvel
Rita Ferro
João Paulo Cardoso
Luísa
João de Bragança

palavras ao vento


portadovento@sapo.pt

aragens


“Não sabendo que era impossível, foi lá e fez."

(Jean Cocteau)

portas da casa


Violinos no Telhado
Pastéis de Nada
As Letras da Sopa
O Eldorado
Nocturno
Delito de Opinião
Adeus, até ao meu regresso

Ventos recentes

Até sempre

Expresso do Oriente (3)

Expresso do Oriente (2)

Expresso do Oriente (1)

Vou ali...

Adivinhe quem foi jantar?

Intervalo

Semibreves

Pocket Classic (A Educaçã...

Coentros e rabanetes

Adivinhe quem vem jantar?

Moleskine

Lapsus Linguae

Semibreves

Sou sincera

favoritos

O triunfo dos porcos

Livros



Seda e Aço


A Poesia é para comer


Gente do Sul

E tudo o vento levou

Perfil


ver perfil

. 16 seguidores

Technorati Profile

Add to Technorati Favorites

Ventos do mundo

Ventos de Passagem


visitantes online

Subscrever feeds