Sexta-feira, 20 de Junho de 2008

Coisas que gostava de fazer?

Um passeio de balão, um dia destes. Uma forma de voar.

 

 

Etiquetas: ,
publicado por Ana Vidal às 01:49
link do post
24 comentários:
De cristina ribeiro a 20 de Junho de 2008 às 02:31
"Navegar" por esses céus amplos...
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 12:44
Que maravilha, não é?
De fugidia a 20 de Junho de 2008 às 10:00
Querida Ana, se quiser companhia, conte comigo, sim?
Tudo o que tenha a ver com voar, conte comigo!
(sabia que até aos 17 anos quis ser astronauta? - risos)
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 12:44
Também eu, Fugi, logo a seguir aos meus planos de ir para o circo...
O meu signo é de ar, deve ser isso. Quando eu for voar, aviso.
Beijinhos
De fugidia a 20 de Junho de 2008 às 13:14

O meu também!
(o melhor de todos, aliás [:p]: aquário!
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 16:10
Aquário, claro... como eu!
De Júlia a 20 de Junho de 2008 às 22:48
eu estava convencida que eras Leão...
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 22:55
Nops, Júlia. Aquariana sem enganos: 11 de Fevereiro!
De O Réprobo a 20 de Junho de 2008 às 11:22
Querida Ana,
não é a forma mais simples de visitar a Cristina, além de que nunca A imaginei atraída por entidades ocas cheias de ar que, ainda por cima, nem fresco é!
Beijinho
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 12:34
Eu sou uma surpresa ambulante, Paulo...
Pode não ser a forma mais simples de visitar a Cristina, mas seria uma das mais fantásticas. Há muito tempo que ando para fazer isto...
De Sofia K. a 20 de Junho de 2008 às 12:29
Ora aí está uma das coisas que gostava de fazer. Já subi num balão, mas não naveguei. Ficou-me o bichinho e quero experimentar! Deve saber tão bem...

beijinhos imensos de uma alma 'navegante'
;-)
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 12:35
As almas navegantes reconhecem-se, não é, miúda? A minha está sempre de malas feitas, pronta a embarcar...
beijinhos
;)
De Pedro Barbosa Pinto a 20 de Junho de 2008 às 14:05
E deixa o seu meticuloso anónimo a falar sózinho? É que...
"Vozes de burro não chegam ao céu"

De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 16:20
LOL.
Não batam mais no anónimo, coitado!
De Leonor a 20 de Junho de 2008 às 14:23
Também gostava :-)
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 22:57
Então também te aviso quando for, Leonor. Até era divertido formarmos um grupo...
De João Paulo Cardoso a 20 de Junho de 2008 às 16:28
Sonhar e voar foram verbos que deram as mãos em muitas boas noites dos meus anos de juventude e jovem adulto.

Numa destas madrugadas o melhor dos sonhos voltou a abrilhantar esta pobre carcaça.

Mas, em relação à fotografia, uma pergunta se impõe?
Será que, no Leclerc , os preços sobem mais alto?

Beijos.

P.S: As minhas aventuras como travesti, no "Regresso ao Eldorado".
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 17:17
Devo deduzir que ser um travesti era um dos teus sonhos, que se realizou numa destas madrugadas? Ou que te atiraste da janela travestido de Superman, para voar?

Preocupas-me, JP...
;)
Beijinho
De mike a 20 de Junho de 2008 às 16:57
Boa sorte, Ana. Eu preferia saltar de pára-quedas... :)
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 17:09
Essa é outra das coisas que gostava de fazer, um dia destes. Outra forma de voar...
De Luísa a 20 de Junho de 2008 às 18:50
Parece que neste ponto – de resto, absolutamente insignificante – divergimos, minha querida Ana. O balão exercia sobre mim a mesma atracção romântica do comboio, até ao dia em que, por razões misteriosas, comecei a recear doentiamente todos os habitats que não me são naturais. Desde então, tenho os pés grudados à terra e só sob ameaças muito pesadas me aventuro a uma travessia de cacilheiro ou a duas horas (máximo!) de avião. :-)
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 22:10
Uma fobia, querida Luísa? Conheço várias pessoas assim. Mas isso pode tratar-se, sabe? Leva tempo mas vale a pena, porque a tendência é ir-se agravando com o tempo se não se contrariar.
E tem razão, tanto o balão como o comboio fazem parte de um imaginário romântico que tem raízes na literatura e no cinema, provavelmente.
De Júlia a 20 de Junho de 2008 às 22:51
deverias voar até aqui num balão de S. João, lindo, cheio de sonhos luminosos!...
De Ana Vidal a 20 de Junho de 2008 às 23:09
Um dia destes vou ao Porto, Júlia. Já tenho saudades de lá ir e assim aproveito tratar de algumas coisas aí... mas só depois do S. João, que levar marteladas na cabeça não é muito o meu género...

Comentar post

brisas, nortadas e furacões, por


Ana Vidal
Pedro Silveira Botelho
Manuel Fragoso de Almeida
Marie Tourvel
Rita Ferro
João Paulo Cardoso
Luísa
João de Bragança

palavras ao vento


portadovento@sapo.pt

aragens


“Não sabendo que era impossível, foi lá e fez."

(Jean Cocteau)

portas da casa


Violinos no Telhado
Pastéis de Nada
As Letras da Sopa
O Eldorado
Nocturno
Delito de Opinião
Adeus, até ao meu regresso

Ventos recentes

Até sempre

Expresso do Oriente (3)

Expresso do Oriente (2)

Expresso do Oriente (1)

Vou ali...

Adivinhe quem foi jantar?

Intervalo

Semibreves

Pocket Classic (A Educaçã...

Coentros e rabanetes

Adivinhe quem vem jantar?

Moleskine

Lapsus Linguae

Semibreves

Sou sincera

Rosa dos Ventos

Livros



Seda e Aço


A Poesia é para comer


Gente do Sul

E tudo o vento levou

Perfil

Technorati Profile

Add to Technorati Favorites

Ventos do mundo

Ventos de Passagem


visitantes online

Subscrever feeds