Segunda-feira, 16 de Junho de 2008

A pedido...

... do Miguel L., aqui fica uma canção do Pedro Guerra de que também eu gosto muito: "Las gafas de Lennon". E uma deliciosa ilustração que lhe fica a matar.

 

 

 

 

Las gafas de Lennon hicieron historia

y algun que otro gesto que hoy guardo en memoria

de un tiempo que fué

un tiempo de flores y buenas noticias

un tiempo de amores y dulces caricias.

Imagine all the people

Y aun esta por ver que no sera posible.

Imagine all the people.

Y habra que responder que no sera posible

 

Las gafas de Lennon son lunas redondas

tan siempre modernas tan llenas de historias

de un tiempo que fué

un tiempo de luces y buenas canciones

un tiempo de guerras paradas con flores.

Imagine all the people.

Y aun esta por ver que no sera posible.

Imagine all the people.

Y habra que responder que no sera posible

 

Vivimos el tiempo que alcabo nos toca,

salimos al paso gastamos las botas

de un tiempo que es

no es bueno quedarse colgados de un sueño

habra que empujarlo, llegado el momento.

Imagine all the people.

Y aun esta por ver que no sera posible.

Imagine all the people.

Y habra que responder que no sera posible.

Imagine all the people.

Y aun esta por ver que no sera posible.

Imagine all the people.

Y habra que responder que si sera posible.

 

Etiquetas:
publicado por Ana Vidal às 11:59
link do post
7 comentários:
De juliamoura.lopes@gmail.com a 16 de Junho de 2008 às 21:17

eu já vi essa imagem não sei onde :-))
De Ana Vidal a 16 de Junho de 2008 às 22:28
Pois viste... foi das primeiras que roubei ao nosso amigo JG!
De juliamoura.lopes@gmail.com a 17 de Junho de 2008 às 00:31
ahaha

sabes queeu quase ia dizendo isso' que tinha visto no Zoo?

risos
De O Réprobo a 16 de Junho de 2008 às 22:40
A imagem é a paráfrase difícil!
Quanto à letra, tem um belo equilíbrio, entre a nostalgia e o desespero da homenagem.
Beijinho, Querida Ana
De baterdeasas a 16 de Junho de 2008 às 22:44
A propósito desses óculos li :
Lennon usó los anteojos oscuros de armazón metálica durante la gira de los Beatles en Japón en junio de 1966 ...
Faz agora 42 anos...
De miguel l. a 18 de Junho de 2008 às 12:43
Acho que há uma ética nos blogues. Ética essa que não consigo praticar. Tu consegues ,Ana. Tu e muitos outros, felizmente. Como neste exemplo: alguém pediu e , rapidamente, satisfizeste o pedido. Obrigado.

Como essa capacidade ( simpatia, atenção, obrigação, boa educação...ética) de não deixar comentários sem resposta.

Ética nos blogues é também competência. Parabéns.
De Ana Vidal a 18 de Junho de 2008 às 19:45
Miguel, a ética que uso nos blogues é a mesma que aplico a tudo o resto na minha vida.
Quanto a satisfazer um pedido... se não me toma mais do que 2 ou 3 minutos e me dá gosto a mim também, porque não haveria de fazê-lo? É mera cortesia, não lhe chamaria competência nem ética. E sabes como eu gosto do Pedro Guerra, não sabes?

Comentar post

brisas, nortadas e furacões, por


Ana Vidal
Pedro Silveira Botelho
Manuel Fragoso de Almeida
Marie Tourvel
Rita Ferro
João Paulo Cardoso
Luísa
João de Bragança

palavras ao vento


portadovento@sapo.pt

aragens


“Não sabendo que era impossível, foi lá e fez."

(Jean Cocteau)

portas da casa


Violinos no Telhado
Pastéis de Nada
As Letras da Sopa
O Eldorado
Nocturno
Delito de Opinião
Adeus, até ao meu regresso

Ventos recentes

Até sempre

Expresso do Oriente (3)

Expresso do Oriente (2)

Expresso do Oriente (1)

Vou ali...

Adivinhe quem foi jantar?

Intervalo

Semibreves

Pocket Classic (A Educaçã...

Coentros e rabanetes

Adivinhe quem vem jantar?

Moleskine

Lapsus Linguae

Semibreves

Sou sincera

Rosa dos Ventos

Livros



Seda e Aço


A Poesia é para comer


Gente do Sul

E tudo o vento levou

Perfil

Technorati Profile

Add to Technorati Favorites

Ventos do mundo

Ventos de Passagem


visitantes online

Subscrever feeds