Sábado, 15 de Março de 2008

Génios

É estranho. É muito estranho que, em quase um ano de "bloguice" nesta Porta do Vento, eu não tenha aqui trazido mais do que uma ou duas vezes uma das minhas maiores paixões musicais de sempre: Elton John. É que o acho genial, tão genial que o ponho em pé de igualdade - digo-o sem qualquer complexo ou medo de exagerar - com outro génio: Mozart.

Mais: se eu acreditasse na teoria da reencarnação, teria a certeza de que Elton John é uma segunda pele do Mestre austríaco, tantas são as semelhanças que lhes encontro: para além da genialidade das composições (a de cada um deles tem que ser lida à luz do seu tempo), vejo-lhes a mesma excentricidade, a mesma frescura, a mesma irreverência, a mesma alegria quase infantil, a mesma necessidade de aplauso, o mesmo sentido de humor, o mesmo gosto da provocação e da brincadeira.

E acho que o próprio Elton John se sente herdeiro de tudo isso, ainda que o não confesse. A prova? O traje que escolheu para sua a actuação neste memorável concerto australiano, acompanhado de uma orquestra "à séria", que eu ouço no carro numa perigosa e alucinante concentração de decibéis. Recomendo o exercício a quem quiser começar o dia (ou acabá-lo) de maneira estimulante.

Escolhi o tema "Sorry seems to be the hardest word" - para mim, uma das canções mais bonitas e mais tristes que já foram escritas - que considero o seu Requiem para um amor, tão pungente e dramático como o maravilhoso Requiem de Mozart. Aqui fica a minha homenagem, com um inexplicável atraso, a um génio da música que me acompanha há muitos anos. Digam lá se é possível fazer melhor do que isto...

(Nota: é pena o som, que não é o melhor)

Etiquetas: ,
publicado por Ana Vidal às 19:47
link do post
42 comentários:
De av a 20 de Março de 2008 às 18:17
Ora faz muito bem. Espero que lhe façam bem as férias, e que descontraia.

Cada um é livre de escrever os disparates que quiser, é uma grande verdade. Vê como estamos de acordo, afinal?

Boa Páscoa para si também.
De Admirador espantado a 20 de Março de 2008 às 17:31
Então está bem!
Fiquem lá com Elton que eu cá fico com a minha.
Cada um é livre de escrever os disparates que quiser. Só o que não se pode querer é que toda a gente concorde.

E como o "Concorde" já não voa, vou no meu pópó fazer umas mini-férias, como todo o portuguesinho faz nesta altura.

Boa Páscoa.
De Admirador espantado a 20 de Março de 2008 às 17:31
Então está bem!
Fiquem lá com Elton que eu cá fico com a minha.
Cada um é livre de escrever os disparates que quiser. Só o que não se pode querer é que toda a gente concorde.

E como o "Concorde" já não voa, vou no meu pópó fazer umas mini-férias, como todo o portuguesinho faz nesta altura.

Boa Páscoa.
De Admirador espantado a 20 de Março de 2008 às 17:31
Então está bem!
Fiquem lá com Elton que eu cá fico com a minha.
Cada um é livre de escrever os disparates que quiser. Só o que não se pode querer é que toda a gente concorde.

E como o "Concorde" já não voa, vou no meu pópó fazer umas mini-férias, como todo o portuguesinho faz nesta altura.

Boa Páscoa.
De Teresa a 20 de Março de 2008 às 15:35
Ao admirador da Ana:

A minha paixão por Mozart (que raia o fanatismo)não se sentiu nem um pouco beliscada com a comparação por ela estabelecida entre o Génio Absoluto e Elton John.

Não conheço a sua Inglaterra, a intuição sopra-me que ainda bem. Elton John-cantor pimba é uma abordagem curiosa (adoro eufemismos). Não posso questionat gostos (só há dois, o bom e o mau), posso questionar outras coisas, e acontece que a ignorância é justamente uma das coisas que mais me irritam. Denegrir Elton John (até 1975, repito, mas isto é conversa privada entre mim e a dona do blógui, e até estamos de acordo) é ignorância.

Vá ouvir os discos, caro admirador, venha dar palpites depois.
De av a 20 de Março de 2008 às 15:09
Caro "admirador",
Vamos lá ver se a gente se entende: você não só não me ofendeu nem me insultou, como... não percebeu nada do que eu disse.
Respondi com humor (pelos vistos não resultou, culpa minha) a um comentário abespinhado da sua parte (gostava que me esplicasse onde está o meu abespinhanço, já agora...), pedindo explicações sobre as minhas opiniões e classificando-as quase de crime de lesa majestade. "Devia ter pensado melhor"??? O que quer isso dizer, que não posso exprimir a minha opinião neste espaço que é meu, por muito absurda que lhe pareça?
Está no seu inteiro direito de não gostar do Elton John, como eu estou de não gostar do Tony Carreira. E é claro que este espaço é aberto a todas as opiniões, mas... porque eu quero que assim seja! Se não quisesse, não tinha mais do que impedir, ou pelo menos filtrar, os comentários que aqui surgem. Não lhe parece?
Deixe-se de sermões, portanto. Não lhe chamei inculto em nenhuma palavra que tenha escrito aqui. Já o contrário não é bem assim, com esse seu ataque irritado às minhas comparações. Que valem o que valem... são, apenas e não mais do que isso, a minha opinião!

O pedido de identificação era outra brincadeira, meu caro. Está no seu direito, mais uma vez o sublinho, de manter o anonimato. E, mais uma vez também, porque eu permito que haja anónimos nos meus comentadores. Não me dê lições de pluralismo e de frontalidade, ainda por cima escondendo-se num confortável anonimato.
Parece-me é que você tem a mania da perseguição... não?

Volte sempre, desde que seja educado como até agora.
De Um seu admirador a 20 de Março de 2008 às 14:18
A sua intolerância relativamente a uma opinião só porque é contrária à sua é uma verdadeira surpresa para mim.

Outra surpresa, é o seu desconhecimento ou desprezo, como mulher culta como eu penso que seja, do que de bom há na Inglaterra além dos humoristas. A sua afirmação é, no mínimo, surpreendente.

Não vou aqui tecer mais considerações acerca das virtudes geniais de uma figura tão patética como esse senhor que você põe nos píncaros. As pessoas que ficaram no Casino Estoril com o bilhete na mão à espera dessa genialidade é que talvez não pensem assim. Mas não é por essa atitude que eu não gosto nem desgosto de Elton John. Eu nem sequer estava lá.

Quando você escreve "Escolhi o tema "Sorry seems to be the hardest word" - para mim, uma das canções mais bonitas e mais tristes que já foram escritas - que considero o seu Requiem para um amor, tão pungente e dramático como o maravilhoso Requiem de Mozart." devia ter pensado melhor.

O Requiem de Mozart é uma obra-prima absoluta do génio humano. Essa musiquinha que refere não é nada. Nada em todos os sentidos: na melodia, na letra, na interpretação. Há milhentas canções iguais a essa cantadas por milhentos cantores iguais. Até o Tony Carreira, infinitamente mais amado pelo nosso povo que esse "amante de coração destroçado", faria igual ou melhor.

Não lhe vou revelar a minha identidade. Não serviria de nada porque você não me conhece. O seu blog é um espaço aberto a todas as opiniões. E é assim que as deve encarar, venham lá de onde vierem.

Não a ofendi nem insultei. Apenas expressei a minha opinião. Não é motivo para se abespinhar nem querer saber quem eu sou.
Basta-lhe que saiba que sou uma pessoa que ombreia consigo na cultura e que sabe o que diz.
De av a 19 de Março de 2008 às 23:23
Faltou-me dizer que essa lista que apresenta é a "sua" lista de génios... não necessariamente a minha, ou a de outra pessoa qualquer. E diga-me: esses seus génios também são incompreendidos e miseráveis???
De av a 19 de Março de 2008 às 23:19
Meu caro admirador,

Não há dúvida: gostos não se discutem, mesmo! Porque a comparação entre o Elton John e o Tony Carreira, para mim, é que é um raio de uma comparação... pimba!
E também lhe digo que não me impressiona o gosto musical dos ingleses cultos, como não me impressiona os gosto estético das inglesas cultas. Em matéria de gosto, os ingleses só me convencem no humor. E nesse capítulo, volto a dizer, Mozart e Elton John podem comparar-se. Já o Carreira...
Além disso, desculpe a pergunta, mas desde quando é que a genialidade se mede pelo grau de miséria?

Ao contrário de si, acho que Mozart não ficaria nada chateado se soubesse a minha opinião. Pelo que conheço da sua biografia, parece-me até que se dariam ambos (ele e o Elton John) muito bem! Mas a verdade é que ambos especulamos, presumindo conhecer as reacções de Mozart, não é?

Finalmente, que a nossa discordância não o impeça de identificar-se. Não é por nada, é só porque gosto de saber quem são os meus admiradores...

Volte sempre, é muito bem-vindo.
De Um seu admirador a 19 de Março de 2008 às 19:49
Lamento ter que discordar, Ana Vidal.
Para os ingleses cultos, Elton John está para a música popular inglesa como o Tony Carreira está para a nossa.
São ambos cantores pimba, com um aparelho vocal bom, umas letras sofríveis ou abaixo de cão e umas músicas cantáveis ou dançáveis, conforme se tenha pé para a dança ou não.

É, convenhamos, um grande exagero seu. Mozart ficaria chateado se soubesse disto.

Por esta ordem de ideias, se Elton John é comparável a Mozart, os Radiohead, os Beatles, Prince, Bjork (para só citar alguns incomparávelmente melhores e muito mais inovadores e geniais que esse senhor), são comparáveis a quem?

Mozart foi incompreendido no seu tempo, morreu pobre e foi genial.
Elton John não passa de um cantor pimba.
Que raio de comparação!!!!

Comentar post

brisas, nortadas e furacões, por


Ana Vidal
Pedro Silveira Botelho
Manuel Fragoso de Almeida
Marie Tourvel
Rita Ferro
João Paulo Cardoso
Luísa
João de Bragança

palavras ao vento


portadovento@sapo.pt

aragens


“Não sabendo que era impossível, foi lá e fez."

(Jean Cocteau)

portas da casa


Violinos no Telhado
Pastéis de Nada
As Letras da Sopa
O Eldorado
Nocturno
Delito de Opinião
Adeus, até ao meu regresso

Ventos recentes

Até sempre

Expresso do Oriente (3)

Expresso do Oriente (2)

Expresso do Oriente (1)

Vou ali...

Adivinhe quem foi jantar?

Intervalo

Semibreves

Pocket Classic (A Educaçã...

Coentros e rabanetes

Adivinhe quem vem jantar?

Moleskine

Lapsus Linguae

Semibreves

Sou sincera

favoritos

O triunfo dos porcos

Livros



Seda e Aço


A Poesia é para comer


Gente do Sul

E tudo o vento levou

Perfil


ver perfil

. 16 seguidores

Technorati Profile

Add to Technorati Favorites

Ventos do mundo

Ventos de Passagem


visitantes online

Subscrever feeds